Sereia

Ah, me diga...vocês tiveram algo?
Não...eu já te falei isso algumas vezes, não foi?
Eu não consigo acreditar!
Deixa eu te falar, então...ela é como uma sereia em sua ilha
Mas sabe, apesar de toda beleza visível, eu a via com olhos incomuns..via ela por quem realmente é..
Aquela parte nossa que é reclusa, escondida e a adorava por isso
Via sentimentos, sentia completamente
Foi tudo sentimentos...nunca a vi carnalmente e se me perguntar eu não saberia dizer como é seu rosto
....Lá está ela em sua ilha isolada..então ou ela vem até a margem e te chama, ou você vai até ela
É quando ela te carrega para as profundezas do mar
Te afoga em luxúria, amor, delírios, vontade...enquanto você olha..apenas olha nos olhos dela e nada mais, nada mais mesmo...
Passado um tempo ela te devolve a terra firme, completamente vazio, enxague, quebrado, partido
....e ela?
Ela volta ao seu auto isolamento e tristeza característicos e hipnóticos
...ela é tão sentimentos que seu passatempo favorito é machucar os outros...
simplesmente ela não consegue evitar...


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Friendship never ends

Colecionadora

Fada da Floresta